Suppress

E-MAIL
contato@suppress.com.br
SUPORTE
(+55) 31 2510-9600
ATENDIMENTO REMOTO
Seg-Sex 08h às 18h

APLICAÇÃO DOS CANHÕES DE NÉVOA EM PILHAS DE MATERIAIS

Os supressores de poeira, mais conhecidos como canhões de névoa, atuam no despoeiramento de uma grande variedade de aplicações, como em áreas de mineração, plantas de britagem, pátios de armazenagem de materiais, pilhas de granéis, áreas siderúrgicas, áreas de demolição e demais localidades com grande potencial de geração e circulação de poeira. Diferentes dos meios tradicionais de tentativa de supressão de poeira, utilizando gotas de água na sua forma natural, os supressores de poeira da SUPPRESS funcionam nebulizando a água, transformando-a em uma névoa extremamente fina que captura as partículas finas de poeira em suspensão. A utilização destes equipamentos em pilhas de materiais (pilhas pulmão, pilhas intermediárias, britagem, moega etc.) já é uma tendência no mercado e grandes empresas já trouxeram essa tecnologia para dentro de suas instalações. Esta operação de despoeiramento é muito eficiente, pois os canhões de névoa criam uma nuvem de água pulverizada sobre a pilha, que envolve a poeira suspensa, impedindo que ela se disperse dali.

MAS, AFINAL, COMO INSTALAR ESTES EQUIPAMENTOS NESTAS ÁREAS?


Os canhões de névoa podem ser instalados de várias formas, a depender da necessidade do cliente e das particularidades de cada área. A SUPPRESS, desde 2014 no mercado, tem se deparado com diversas aplicações destes equipamentos em pilhas e, após diversos testes em diferentes empresas, verifica que há duas opções mais comuns para instalação.

Torres/Plataformas


A primeira delas é a utilização de torres/plataformas metálicas. Ao instalar os canhões sobre torres, elevando-se o ponto de lançamento do jato, a eficiência da operação aumenta significativamente pois o ataque de névoa à poeira ocorrerá de cima para baixo, forçando o “mix” de gotícula de água + partícula de pó a precipitar mais rapidamente. A altura da torre pode variar de 1,5 a 10 metros de altura, a depender da altura da pilha. Veja alguns exemplos com canhões SUPPRESS:

Direto ao solo


Uma opção muito comum, econômica, e prática de implementar é a instalação do equipamento diretamente ao solo. Geralmente, esta aplicação é feita em pilhas menores ou em locais onde a pilha varia de tamanho em curto intervalo de tempo. Neste caso, os canhões podem ser instalados de forma fixa ou até mesmo móveis. Para a segunda opção, os canhões SUPPRESS são equipados com “Kit Rodas” que facilita a movimentação na área de forma manual ou acoplado em veículos. Além destas duas formas mais comum de instalação, os equipamentos podem ser instalados de diversas outras formas. Isso vai depender da área de aplicação, dinâmica de operação da pilha, etapas de processo, recursos disponíveis na área entre outros fatores. No exemplo abaixo, tem-se a representação esquemática de um canhão de névoa instalado na própria estrutura da correia, que pode ser uma boa alternativa de instalação em um local estratégico para abatimento de poeira. De forma geral, apesar da semelhança operacional em relação às pilhas de materiais, cada área tem suas particularidades e a instalação dos canhões de névoa deve ser estudada e realizada de forma a obter a maior eficiência possível da operação. Fato é, onde existe problemas com poeira em suspensão em áreas de pilhas de granéis, os canhões de névoa podem ser uma excelente opção.

Está em busca de soluções de dimensionamento, análise do processo e definição das formas de instalação dos canhões de névoa?

A SUPPRESS está preparada para dar todo o suporte.